Operador do MDB confessa crime e entrega US$ 7,2 milhões - TV interativa #CHEGAJUNTO

Publicidade


Operador do MDB confessa crime e entrega US$ 7,2 milhões

Share This
 
O operador Mário Miranda, do MDB, confessou crimes e deixou à disposição da Justiça US$ 7,2 milhões em valores repatriados – montante oriundo, segundo ele, de práticas ilícitas em contratos da Petrobrás, conforme informou o Estadão. Sob sigilo, as declarações de Miranda foram registradas pela força-tarefa da Lava Jato no dia 16 deste mês.
De acordo com o jornal, o depoimento envolve contrato que, segundo a Odebrecht e os investigadores, beneficiou o MDB em 2010, em suposto acerto com políticos do partido, no escritório de Michel Temer em São Paulo.
O termo foi assinado após a prisão de Miranda no dia 8, na 51ª fase da Lava Jato, que apura suspeita de propinas em benefício da sigla.
bahia.ba

Nenhum comentário:

Postar um comentário