'Um monte de cadáveres', diz sobrevivente sobre acidente que matou 7 e feriu 20 em ônibus que fazia linha Barreiras/Palmas

Apresenta%25C3%25A7%25C3%25A3o1

A empresária Edna Eliane Campelo foi uma das sobreviventes do acidente de ônibus que matou 7 pessoas e deixou 20 feridas na TO-040, em Novo Jardim, na madrugada desse domingo (28). Em entrevista à TV Anhanguera, ela contou a imagem impactante que viu ao perceber que estava viva. "Eu olho para frente, aquele monte de gente, cadáveres. A única sobrevivente na parte de trás era eu. Aí eu fui saltando sobre as pessoas para poder sair do ônibus, não tive ajuda de ninguém."

1A empresária saiu de Luís Eduardo Magalhães (BA) com destino à Palmas. Ela viajava acompanhada de uma amiga, que estava ao lado dela. Ao perceber que estava viva, Edna chamou pela colega para sair do ônibus e então viu que a mulher havia morrido.

O acidente
O ônibus é da empresa Real Maia e fazia a linha Barreiras (BA)-Palmas. De acordo com a Polícia Militar, o motorista disse que os freios do veículo falharam.

2Ambulâncias da região fizeram o transporte dos feridos, que a princípio foram levados para o Hospital Regional de Dianópolis. Em seguida, 7 deles foram transferidos para o Hospital Geral de Palmas. Continuam internados: Éder Mestre Aguiar, Sandra Almeida Freitas, Racab Luiz dos Santos, além de Adericia Oliveira Vaz, que foi transportada de helicóptero em estado grave.

Já tiveram alta: Francisco Carlos Vinicius dos Santos, Bruna Tatiana Menezes e Rosangela Rodrigues Duarte.

O Governo do Estado está pedindo doações de sangue para as vítimas. O estoque já estava baixa por causa do período de férias. Os doadores podem ir ao Hospital Geral de Palmas ou ao Hemocentro.

3Entre as pessoas que morreram está a servidora Dilma Raimundo de Sousa, que trabalhava no Banco do Empreendedor do Tocantins. Em nota, a instituição lamentou a perda. "Tivemos o privilégio de ter grande parte de sua vida compartilhada conosco, nestes cerca de 20 anos de convivência. Anos estes, marcados pela alegria e um sorriso sempre presente."

Outra vítima é Nayara Gomes Santos, que tinha 33 anos e era professora de matemática da Secretaria Municipal de Educação (Semed) desde 2015. Ela trabalhava na Escola Municipal do Tucunzinho, na zona rural do município. A prefeitura também lamento a morte em nota. "Durante três anos foi uma profissional que se destacava com muita dedicação, profissionalismo e ética à rede municipal de ensino."
Além delas, as outras pessoas que morreram são José de Jesus Ribeiro, Maria Francisca Ferreira de Souza, Jecy Cirqueira, Angela Raquel Vanolli Mourão e Caroline Tavares Nustosa.


A Real Maia informou que após ficar sabendo do acidente, enviou um representante ao local para auxiliar as vítimas. Disse que está à disposição para prestar depoimento e colaborar com as investigações. Esclareceu ainda que todo o custo com transporte das vítimas está sendo arcado pela empresa. (G1 Tocantins) Foto reprodução blogbraga
'Um monte de cadáveres', diz sobrevivente sobre acidente que matou 7 e feriu 20 em ônibus que fazia linha Barreiras/Palmas 'Um monte de cadáveres', diz sobrevivente sobre acidente que matou 7 e feriu 20 em ônibus que fazia linha Barreiras/Palmas Reviewed by Dep. de Jornalismo on 13:17:00 Rating: 5

Nenhum comentário